Durante o ano passado (2018) a Microsoft comprou muitos estúdios para aumentar seu leque de Propriedades Intelectuais e fortalecer os Exclusivos da plataforma.

Nessa lista podemos destacar a Ninja Theory, Compulsion Games, Playground Games, Undead Labs, Obsidian Entertainment e a Inxile, além da criação do The Initiative, estúdio localizado em Santa Monica na California.

Para Jonathan Cooper, animador de grandes títulos como The Last of Us, Uncharted, Mass Effect e Assassin’s Creed, só isso não é o bastante.

Vamos contextualizar a fala, para não causar mal-entendido, Jonathan estava comentado sobre suas expectativas para a nova geração e um usuário comentou sobre a compra dos estúdios (como pode ser visto no tweet acima).

A resposta foi direta, “Nenhum dos estúdios comprados estão no mesmo nível dos First Party da Sony e só chegarão lá com suporte, contratações de longo prazo e suporte financeiro. Prefiro esse caminho do que criar estúdios sem nenhuma cultura compartilhada”.

Antes de pularmos para conclusões fáceis e que criam a famosa guerra dos consoles, vamos analisar um pouco o que foi dito como um todo, Jonathan deixa claro em seu primeiro tweet que espera que a Microsoft tenha limpado a casa no departamento de Publicação, a crítica pode parecer dura mas é válida e vinda de uma fonte com conhecimento do processo, Jonathan Cooper participou de títulos muito importantes, como citado no início da matéria.

A nós, jogadores, resta esperar para ver esse futuro dos Estúdios da Microsoft.